Hits: 381

O Senhor É Bom  

Por Pastor Favour Ibom (BICF Igreja Africana - Pequim)

 

 

 

Salmo 100:5 (NVI)


“Pois o Senhor é bom e o seu amor leal é eterno; a sua fidelidade permanece por todas as gerações.”

 

 

Hoje, concluímos os 60 dias do devocional "Novel Encouragement" (Novo Encorajamento) pela bondade de Deus.

 

Durante esses 60 dias, fomos encorajados, desafiados, apoiados, confortados e inspirados pelas Escrituras e histórias pessoais que nos permitiram chorar, rir, pensar profundamente e, acima de tudo, ser o sal e a luz nessa pandemia global do COVID-19.

 

A bondade de Deus não é fácil de ser aceita quando enfrentamos crises. É mais difícil ainda durante uma pandemia global. Algumas pessoas perderam entes queridos, outras perderam suas economias, tudo isso tem causado incertezas com relação ao futuro.

 

Empresas fecharam as portas, como consequência muitos perderam seus empregos. Existe tanto sofrimento emocional pelo mundo… Vários governos e agências humanitárias estão se esforçando freneticamente para aliviar as consequências catastróficas dessa pandemia. No meio de tudo isso, Deus continua sendo bom. Eu gosto desta declaração do autor Philip Yancey:

 

“O que eu vejo na Bíblia, especialmente no livro de Salmos, que é um livro sobre gratidão pelo mundo, é o reconhecimento de que tudo o que existe de bom na Terra vem de Deus, todo presente bom vem de cima. Eles são bons se reconhecermos de onde eles vieram e se tratamos eles da maneira como o ‘Designer’ pensou que seriam tratados quando os criou.”
 
Como experimentamos da bondade de Deus?

 

Primeiramente, nós devemos entender que a bondade de Deus é revelada através Seu amor.

 

O verso que lemos diz que “o Senhor é bom e o seu amor leal é eterno” (Salmo 100:5). O amor Divino é eterno e imutável, Deus é a definição de amor. A Bíblia nos fala que Deus é amor e Seu amor por nós é tremendo. O amor de Deus por nós é um amor sacrificial para o nosso bem, Ele esbanjou Seu amor sobre nós ao ponto de sermos chamados filhos de Deus. Ele não “salpicou” Seu amor sobre nós, Ele “esbanjou” Seu amor sobre nós. Nossa identidade está ancorada no Seu amor por nós.

 

Como deve ser a nossa reposta ao amor de Deus? Nós devemos receber Seu amor e amar outros com o amor de Jesus. Só podemos amar verdadeiramente a outros quando recebemos genuinamente o amor de Deus por nós. Não há problema em lamentar nossas perdas nessa pandemia, mas não podemos permitir que essa dor nos leve ao ponto de questionarmos a bondade de Deus.

 

Eu amo os Salmos de Davi nas Escrituras, Ele geralmente começa sendo sincero com relação aos seus sentimentos e expressa seus lamentos a Deus, mas ele sempre termina louvando nosso Deus que é inerentemente bom. Talvez você ainda esteja batalhando durante essa crise. É bom falar com Deus sinceramente sobre suas lutas e terminar louvando ao Deus que pode te salvar. Nós precisamos receber esse amor de Deus, para que possamos levar desse amor ao mundo em crise. Pessoas estão desesperadas para sentir do amor de Jesus.

 

Em segundo lugar, precisamos aceitar o fato de que a bondade de Deus é revelada através da Sua fidelidade.

 

Salmo 100:5 fala que a Sua fidelidade permanece por todas as gerações. Sim! Ele foi fiel há 2.000 anos e Ele é fiel hoje. Ele é fiel a cada geração, nós podemos confiar nELe porque Ele é confiável. Deus é fiel porque Ele é verdadeiro. As Escrituras revelam que Deus não apenas não mente como Ele não consegue mentir. Suas promessas são verdadeiras, elas são “sim e amém” em Cristo. As promessas de Deus para você ainda são verdadeiras mesmo em meio a essa pandemia. Mantenha-se firme nelas, você pode cair sete vezes, mas você se levantará novamente.

 

Você pode confiar o seu futuro incerto ao Deus que sabe do seu futuro. Ele sabe o começo e o fim. Deus é um especialista em redenção de momentos de crises.

Enquanto confiamos na fidelidade de Deus, esse pode ser um período de aprofundamento no nosso caminhar com Deus e na nossa vida de oração e estudo Bíblico. Esse pode ser o momento de fortalecimento dos nossos relacionamentos familiares e de valorizar o que realmente importa. Essa pode ser uma oportunidade de compartilharmos as boas novas de Jesus e mostrar de forma prática o amor de Deus para um mundo que está morrendo. Quem sabe não seja esse o momento de começar uma ONG, escrever um livro, começar um ministério, começar um negócio que você tem adiado?

 

Deus realmente é fiel, e Ele vai redimir esta crise e dela nascerão belas oportunidades para mostrar Sua bondade.
 
Finalmente, gostaria de concluir com o Salmo 34:8 “Provem e vejam como o Senhor é bom. Como é feliz o homem que nele se refugia!”

 

Essa pandemia nos abalou, mas sairemos dela mais fortes e melhores, porque nos refugiamos em Deus. Ele é fiel e nós devemos cantar das Sua bondade todos os dias de nossas vidas.

 

Bênçãos,
Favour Ibom

 

 

 

Feedback: Adoraríamos ouvir suas histórias de como você tem passado esse tempo, ou como você foi encorajado pelo 'Novel Encouragement'. Por favor, deixe-nos um recado no: taskforce@bicf.org
Sentindo-se isolado, indefeso, com medo, solitário? Ligue para o HELPLINE 400 8928 012 (9h às 21h). É grátis e confidencial. (Voluntários receberam treinamento básico de aconselhamento telefônico) Disponível em inglês, mandarim, cantonês e tagalog.


 

  

Música: Goodness of God (Bethel Music)