Hits: 367

"Fiquem quietos..." Sério, Deus?

Por John Nugent (Pequim)

 

Reflexões sobre o Salmo 46

 

Salmo 46:10a (NTLH)

 

“Parem de lutar e fiquem sabendo que eu sou Deus.”

 

 

Nessas circunstâncias novas e difíceis, estou aprendendo coisas novas e diferentes sobre mim, sobre Deus e sobre meu relacionamento com Ele.

 

Estou aprendendo que realmente não gosto de ficar parado, a menos que eu esteja dormindo, comendo, lendo ou assistindo aos meus programas favoritos na internet. Há muito que me reconheci como tendo fortes tendências para ser excessivamente motivado, focado em desempenho. Aprendi a apreciar a alegria e o prazer de Deus, dedicados ao trabalho árduo e à obtenção de resultados à medida que cumpro Seu chamado e exercito meus dons espirituais. Posso discernir mais rapidamente a perpétua distorção de Satanás sobre as bênçãos construídas por Deus — na bênção dada ao esforço e à excelência de um bom mordomo. Mas eu não gosto de ficar parado, de verdade.

 

Por causa da crise de saúde pública que está totalmente fora do meu controle, sou incansavelmente emboscado pela quietude. Todo dia, dia após dia. Ninguém sabe por quanto tempo, e eu não gosto disso.

 

Posso lutar contra minhas circunstâncias ou posso adotar uma visão mais completa da realidade: este é o convite pessoal de Deus para conhecê-Lo e experimentá-Lo de uma maneira nova e mais profunda.

 

O Salmo 46 começa com "Deus é o nosso refúgio e a nossa força" e termina com "Parem de lutar e fiquem sabendo que eu sou Deus". No meio do Salmo, há uma série de desastres, calamidades e caos, contrastando com o poder absoluto, a presença e a estabilidade de Deus. Não importa quão loucas sejam as circunstâncias, Deus está sempre acima e além delas, mas também muito presente nelas e sempre com o Seu povo.

 

No versículo 8, o salmista chama: "Venham, vejam o que o SENHOR tem feito! Vejam que coisas espantosas ele tem feito na terra!".

O COVID-19 está entre as desolações?

No versículo 10, Deus nos ordena a descansar e saber que Ele é Deus. Tão claro e ainda não totalmente compreendido. Então Deus simplesmente declara: "Eu serei exaltado entre as nações, serei exaltado na terra!"

Isso certamente acontecerá se desacelerarmos o suficiente para reconhecermos e respondermos a Deus como Deus.

Como a palavra final no versículo 11, o salmista chega a uma conclusão incrível — este Deus incrivelmente poderoso e sobre todos - Ele está conosco. Ele é a nossa paz e proteção.

 

Nas provações e tribulações de COVID-19, encontro escolhas familiares que moldam a direção e a profundidade do meu relacionamento com Deus. Minhas opções básicas são escapar, suportar ou aceitar.

 

Eu posso tentar escapar do medo e da dor das minhas circunstâncias atuais ou posso tentar reunir forças suficientes para suportar as dificuldades atuais até o fim. O difícil terceiro caminho é aceitar a realidade — a realidade completa das minhas dificuldades atuais e de como elas afetam a mim, à minha família, meu trabalho, pessoas de toda a China e do mundo. Eu posso mergulhar voluntariamente na realidade ainda maior do poder e presença de Deus em todas as coisas e através de todos os que creem.

 

Aceitar a realidade confirma que acredito que Deus está no controle e sabe o que é melhor. Isso me liberta para descansar em Seu amor e ficar quieto de verdade.

 

Oração: Obrigado, Senhor, por cessar nossa ocupação através de circunstâncias que, não tão silenciosamente, nos convidam a ficarmos quietos. Que nessa quietude, possamos Te encontrar, esperando pacientemente que nos aconcheguemos em Seus braços amorosos e fortes, de verdade.

 

 

Feedback: Adoraríamos ouvir suas histórias de como você tem passado esse tempo, ou como você foi encorajado pelo 'Novel Encouragement'. Por favor, deixe-nos um recado no: taskforce@bicf.org
Sentindo-se isolado, indefeso, com medo, solitário? Ligue para o HELPLINE 400 8928 012 (9h às 21h). É grátis e confidencial. (Voluntários receberam treinamento básico de aconselhamento telefônico) Disponível em inglês, mandarim, cantonês e tagalog.


 

 

Música: Be Still (Mark Tedder, Wang Shi gravada na BICF)